Imprimir

O que é necessário antes do avivamento

Escrito por secretaria. Posted in Mensagens

o que  necessrio antes do avivamento2 Crônicas 29:1-36          Ezequias no início de seu reinado sobre Judá, em primeiro lugar restaurou o templo que havia sido contaminado com todo o tipo de pecado pelo povo, principalmente a idolatria. O rei, seu antecessor, praticou todo o tipo de abominação, por isso ele foi entregue nas mãos dos seus inimigos e levado cativo, derrotado e humilhado. Mas o Senhor usou o rei Ezequias para trazer avivamento em Judá.

O que é necessário para termos um grande avivamento? Quero falar de três aspectos necessários para vir o avivamento sobre a Igreja.

Em primeiro lugar, quebrantamento, convicção de pecado, arrependimento e confissão, abandonar tudo o que não agrada a Deus, mudar de atitude, isso é imprescindível, faz parte e antecede o avivamento.

O temor de Deus é uma marca do avivamento, em experiências do passado, o pecado era intolerável. Alguém que se arrepende verdadeiramente sente dor, tristeza por ter pecado. Davi quando pecou declarou: “Enquanto calei os meus pecados, envelheceram os meus ossos, pelos constantes gemidos todo o dia, porque a tua mão pesava dia e noite sobre mim, e o meu vigor se tornou em sequidão, confessei-te o meu pecado, e a minha iniquidade não mais ocultei. Disse: confessarei ao Senhor as minhas transgressões; e tu perdoaste a iniquidade do meu pecado” Salmos 32: 3-5.

Em segundo lugar, o louvor muda o ambiente, a atmosfera e traz o avivamento. Quando nós aprendemos a louvar a Deus, a sermos gratos e nos arrependemos com sinceridade, estamos nos habilitando para receber o mover de Deus.

Quando entendemos que fomos criados para o louvor de Sua glória e estivermos sempre com um cântico em nossos lábios, estamos pedindo para que venha o avivamento sobre nós, quando estamos falando de salvação para as pessoas, é claro que queremos o avivamento. Na adoração nós trocamos as vestes e mudamos as atitudes do coração.

O rei Ezequias, no primeiro ano do seu reinado, abriu as portas do templo e as reparou, santificou os levitas e os sacerdotes e restabeleceu o culto a Deus. A nossa consagração, santificação e o nosso compromisso com o Senhor faz parte do avivamento.

Em terceiro lugar, a intercessão, sem ela não haverá avivamento, enquanto você não se colocar na brecha, com fidelidade, não vai acontecer nada, todo o avivamento acontece quando o povo tem paixão pela oração, quando existe o clamor pela manifestação da glória de Deus, a intercessão é uma poderosa arma para a chegada do avivamento.

O avivamento virá quando a Igreja entender que precisa se posicionar corretamente.

 

 

Pr. Aristides Alves dos Reis

Ágape Sede

Facebook